top of page

Produção de hidrogênio verde no MS deve movimentar R$ 2 bi até 2030

Usina começará a operar no segundo semestre com eletrolisador que passou por Teste de Aceitação de Fábrica (FAT) na China


(Divulgação)


A Rede Brasileira de Certificação, Pesquisa e Inovação (RBCIP), em parceria com a empresa Green World Energy Hydrogen (GWE), concluiu recentemente uma missão à China para acompanhar um Teste de Aceitação de Fábrica (FAT) de um eletrolisador de última geração, que será usado em uma usina de hidrogênio verde, instalada no campus da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS).


A usina de hidrogênio verde é fruto de um acordo de cooperação entre a Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS), Rede Brasileira de Certificação Pesquisa e Inovação (RBCIP) e a empresa Green World Energy Hydrogen (GWE). O empreendimento deve movimentar 2 bilhões de reais até 2030. Na usina, também serão capacitados cerca de 500 especialistas, professores e engenheiros, por ano.


A fonte de energia limpa e sustentável pode gerar um faturamento de 150 bilhões de reais por ano no Brasil até 2050, sendo que 100 bilhões de reais seriam provenientes das exportações da commodity, segundo a pesquisa Green Hydrogen Opportunity in Brazil.



Notícia por: Veja Negócios, Radar Econômico por Pedro Gil


6 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page